Soneto Segundo – Homenagem

Para o meu avô João.

Leo Fonteviva - Salvador - 28/03/2009

João Justiniano da Fonseca



Este soneto é o meu segundo. Quisera eu que fosse o primeiro Mas, veio o “Do Amor Verdadeiro” E tomou-lhe o posto oriundo.

Este é o da inspiração primeira: Homenagear o meu grão-genitor, Que faz versos com tanto amor, Sempre usando a palavra certeira.

Quero que saibas que sou seu fã. Sua poesia me inspira – Élan! Encorajou-me para sonetos escrever.

Enquanto o “Leveza do Soneto” eu lia Minh’alma se enchia de alegria, Deu vontade de abraçar você!

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo